Vaticano diz que lei de combate ao discurso homofóbico na Itália ameaça liberdade de expressão

Arcebispo Paul Richard Gallagher

O Vaticano queixou-se formalmente à Itália de que um projeto de lei, elaborado por Alessandro Zan, um político gay do partido democrata de centro-esquerda, planeia criminalizar o discurso de ódio de teor LGBTIfóbico prejudicaria a liberdade das pessoas católicas.

O arcebispo Paul Richard Gallagher, ministro das Relações Externas do Vaticano, fez a repreensão numa nota diplomática este mês. Disse que a lei planeada limitaria a liberdade de expressão, além de colocar as escolas católicas em risco legal se se recusassem a marcar um dia nacional contra a homofobia.

De acordo com os relatórios, Gallagher invocou o tratado da era de Mussolini que criou a cidade-estado do Vaticano e garante a liberdade da Igreja e das pessoas católicas em Itália.

A intervenção do arcebispo alimentou ainda mais um debate já de si inflamado em torno da lei, projetada para tornar a violência e o discurso de ódio contra pessoas LGBTI e pessoas com deficiência, bem como a misoginia, um crime. Posiciona-se assim ao lado da extrema-direita italiana que luta contra a aprovação do projeto de lei.

A Itália ocupa o lugar mais baixo na Europa Ocidental em igualdade de género e um projeto de lei que criminaliza a violência e o discurso de ódio direcionado à orientação ou identidade de género de uma pessoa está, aos poucos, a ganhar terreno no Parlamento Italiano.

No mês passado, o chefe dos bispos italianos, o cardeal Gualtiero Bassetti, disse que não via necessidade de uma nova lei para reforçar as proteções contra a discriminação, mas que o Parlamento e o povo deveriam ter a última palavra.


Ep.143 – Ding Dong: Gais en Barcelona, Trixie & Katya e Dia da Memória Trans Dar Voz a esQrever: Notícias, Cultura e Opinião LGBTI 🎙🏳️‍🌈

O centésimo QUADRAGÉSIMO TERCEIRO episódio do Podcast Dar Voz A esQrever 🎙️🏳️‍🌈 é apresentado por nós, Pedro Carreira e Nuno Gonçalves. O Nuno tinha acabado de chegar de Barcelona e incorreu em todo um ensaio filosófico sobre as diferenças entre as Gais de Barcelona e as de Lisboa e a homofobia internalizada que ainda vivemos no nosso país, Grindr incluído. Falou também do drag espanhol antes de se babar com o espectáculo ao vivo Trixie & Katya Live, as drag queens que considera suas mães. Mas também falámos de assuntos sérios como o Dia Da Memória Trans e o Pedro ainda conseguiu Dar Voz A… Dead To Me. Artigos mencionados no episódio: Dia da Memória Trans: 327 mortes no último ano em todo o mundo, mas a maioria não é relatada Música por Katya Zamolodchikova, Jingle por Hélder Baptista 🎧 Este Podcast faz parte do movimento #LGBTPodcasters 🏳️‍🌈 Para participarem e enviar perguntas que queiram ver respondidas no podcast contactem-nos via Twitter e Instagram (@esqrever) e para o e-mail geral@esqrever.com. E nudes já agora, prometemos responder a essas com prioridade máxima. Podem deixar-nos mensagens de voz utilizando o seguinte link, aproveitem para nos fazer questões, contar-nos experiências e histórias de embalar: https://anchor.fm/esqrever/message 🗣 – Até já unicórnios 🦄
  1. Ep.143 – Ding Dong: Gais en Barcelona, Trixie & Katya e Dia da Memória Trans
  2. Ep.142 – ESPECIAL AO VIVO PODES: Economia Gay, Qatar e a importância dos Podcasts nas comunidades minoritárias
  3. Ep.141 – Milk Milk Lemonade: Twitter de Elon Musk, Daniel Radcliffe vs J.K. Rowling e Queer Porto 8

O Podcast Dar Voz A esQrever 🎙🏳️‍🌈 está disponível nas seguintes plataformas:
👉 Spotify 👉 Apple Podcasts 👉 Google Podcasts 👉 Pocket Casts 👉 Anchor 👉 RadioPublic 👉 Overcast 👉 Breaker 👉 Podcast Addict 👉 PodBean 👉 Castbox 👉 Deezer