O Pai Natal tem namorado: como os serviços postais noruegueses reinventaram a clássica história

O anúncio de Natal do serviço postal norueguês Posten apresenta o desenrolar de uma relação entre o Pai Natal e Harry que, acidentalmente, descobre o Pai Natal em sua casa na véspera festiva. Ambos fecham os olhos num momento de cumplicidade, mas antes de poderem falar um com o outro, o Pai Natal desaparece pela chaminé para continuar sua missão de entrega de presentes.

A partir de então, Harry antecipa o retorno do Pai Natal todos os anos. Quando acorda numa véspera de Natal encontra o Pai Natal observando-o a dormir. Ao longo dos anos existe uma maior proximidade, com a promessa de que voltará no ano seguinte.

Finalmente, cansado das suas longas separações, Harry escreve ao Pai Natal uma carta onde confessa o seu amor: “Tudo o que eu quero para o Natal és tu.” Naquele ano, o Pai Natal providencia ajuda extra para a entrega dos presentes para que possa ficar com Harry.

O anúncio foi elogiado como ‘bonito’, ‘poderoso’ e ‘progressista’.

Intitulada When Harry Met Santa (Quando Harry conheceu o Pai Natal), a história de amor marca o 50º aniversário desde que a homossexualidade foi descriminalizada na Noruega. Monica Solberg, diretora de marketing, disse que a “Posten é um local de trabalho inclusivo com grande diversidade” e que gostaria de celebrar o 50º aniversário “com esta bela história de amor.”

Vale a pena ver abaixo o anúncio com legendas em Inglês:

When Harry Met Santa; Agência: POL.

Ep.143 – Ding Dong: Gais en Barcelona, Trixie & Katya e Dia da Memória Trans Dar Voz a esQrever: Notícias, Cultura e Opinião LGBTI 🎙🏳️‍🌈

O centésimo QUADRAGÉSIMO TERCEIRO episódio do Podcast Dar Voz A esQrever 🎙️🏳️‍🌈 é apresentado por nós, Pedro Carreira e Nuno Gonçalves. O Nuno tinha acabado de chegar de Barcelona e incorreu em todo um ensaio filosófico sobre as diferenças entre as Gais de Barcelona e as de Lisboa e a homofobia internalizada que ainda vivemos no nosso país, Grindr incluído. Falou também do drag espanhol antes de se babar com o espectáculo ao vivo Trixie & Katya Live, as drag queens que considera suas mães. Mas também falámos de assuntos sérios como o Dia Da Memória Trans e o Pedro ainda conseguiu Dar Voz A… Dead To Me. Artigos mencionados no episódio: Dia da Memória Trans: 327 mortes no último ano em todo o mundo, mas a maioria não é relatada Música por Katya Zamolodchikova, Jingle por Hélder Baptista 🎧 Este Podcast faz parte do movimento #LGBTPodcasters 🏳️‍🌈 Para participarem e enviar perguntas que queiram ver respondidas no podcast contactem-nos via Twitter e Instagram (@esqrever) e para o e-mail geral@esqrever.com. E nudes já agora, prometemos responder a essas com prioridade máxima. Podem deixar-nos mensagens de voz utilizando o seguinte link, aproveitem para nos fazer questões, contar-nos experiências e histórias de embalar: https://anchor.fm/esqrever/message 🗣 – Até já unicórnios 🦄
  1. Ep.143 – Ding Dong: Gais en Barcelona, Trixie & Katya e Dia da Memória Trans
  2. Ep.142 – ESPECIAL AO VIVO PODES: Economia Gay, Qatar e a importância dos Podcasts nas comunidades minoritárias
  3. Ep.141 – Milk Milk Lemonade: Twitter de Elon Musk, Daniel Radcliffe vs J.K. Rowling e Queer Porto 8

O Podcast Dar Voz A esQrever 🎙🏳️‍🌈 está disponível nas seguintes plataformas:
👉 Spotify 👉 Apple Podcasts 👉 Google Podcasts 👉 Pocket Casts 👉 Anchor 👉 RadioPublic 👉 Overcast 👉 Breaker 👉 Podcast Addict 👉 PodBean 👉 Castbox 👉 Deezer

3 comentários

Deixa uma resposta Cancel reply

Exit mobile version
%%footer%%