Alemanha aprovou o hastear de bandeiras arco-íris em edifícios governamentais

Alemanha aprovou o hastear de bandeiras arco-íris em edifícios públicos

Ao contrário dos argumentos que ainda são dados em Portugal para impedir o hastear de bandeiras do Orgulho LGBTI em momentos-chave, a Alemanha autorizou o hastear da bandeira do arco-íris em edifícios governamentais para marcar eventos LGBTI.

O Ministério do Interior confirmou em comunicado que hastear a bandeira do arco-íris “deve estar relacionado a uma data concreta“. O aniversário a 28 de junho das revoltas de Stonewall de 1969 em Nova Iorque, que ajudaram a impulsionar um movimento LGBT+ global, foi dado como exemplo.

A mudança destina-se a encerrar as discussões na Alemanha sobre regras pouco claras e sinalizar a aceitação da diversidade. Até agora, não havia uma regra que permitisse formalmente o hastear de uma bandeira arco-íris num edifício do Governo.

Somos um país moderno e diversificado“, disse a ministra do Interior, Nancy Faeser. “É altura de nós, como instituições estatais, também mostrarmos isso com mais clareza.

Queremos que a discriminação contra as pessoas devido à sua identidade sexual termine em todas as áreas da sociedade“, acrescentou. “Queremos mostrar solidariedade com quem ainda experiencia exclusão.”

A decisão de Faeser surge quando o chanceler Olaf Scholz segue uma agenda de reformas sociais. Entre elas, remover a proibição de equipas médicas poderem divulgar serviços de interrupção da gravidez que persiste desde os tempos nazis.

O governo de Scholz também quer descartar a legislação de 40 anos que exige que as pessoas trans façam uma avaliação psicológica e uma decisão judicial antes de poderem mudar oficialmente de género.


O Podcast Dar Voz A esQrever 🎙🏳️‍🌈 está disponível nas seguintes plataformas:
👉 Spotify 👉 Apple Podcasts 👉 Google Podcasts 👉 Pocket Casts 👉 Anchor 👉 RadioPublic 👉 Overcast 👉 Breaker 👉 Podcast Addict 👉 PodBean 👉 Castbox 👉 Deezer

Deixa uma resposta Cancel reply

Exit mobile version
%%footer%%