Coimbra: rede ex aequo organiza “ex aequo fm”, um evento musical e mercado artístico LGBTI+

rede ex aequo organiza 1a edição do “ex aequo fm” em Coimbra: evento musical e mercado artístico LGBTI+
Cartaz do “ex aequo fm” pela rede ex aequo em Coimbra.

Pela primeira vez, a rede ex aequo organiza o “ex aequo fm“, um evento musical e mercado artístico LGBTI+ em Coimbra. O evento tem como objetivo proporcionar um espaço seguro de partilha e criação entre artistas LGBTI+, bem como dar visibilidade a temas temas relevantes para esta comunidade. A primeira edição desta iniciativa acontece já este sábado, dia 19 de novembro a partir das 19h00 no Liquidâmbar, com entrada gratuita!

O ex aequo fm conta com um cartaz preenchido por jovens queer, para além de um mercado totalmente voltado para a juventude LGBTI+ e apoiantes que pretende dar um espaço seguro a artistas da comunidade para expor a sua arte e trocar ideias. Este evento pretende quebrar o isolamento no mundo profissional artístico, dando a oportunidade a jovens da comunidade poderem pela primeira vez divulgar a sua arte no ambiente descontraído, criar comunidade com outras pessoas criadoras, bem como usufruir de um público especial!

O evento tem entrada gratuita, e a associação de jovens convida todas as pessoas a fazerem parte deste momento muito especial da vida queer Conimbricense e apoiarem artistas LGBTI+, às 19h do dia 19 de novembro, no Liquidâmbar (Praça da República, no 28 – 3000-343 Coimbra).

Apoios: IPDJ – Instituto Português do Desporto e Juventude & RUC – Rádio Universidade de Coimbra.

Sobre a rede ex aequo

A rede ex aequo é uma associação de jovens lésbicas, gays, bissexuais, trans, intersexo (LGBTI) e apoiantes. Desde a sua criação em 2003, procura dar resposta à necessidade de apoiar os jovens LGBTI face ao bullying, ao isolamento, à violência e ao abandono aos quais muitos destes jovens tendem a ser sujeitos. A associação conta como apoio de diversas instituições, das quais se destaca a Secretaria de Estado para a Cidadania e Igualdade, a Comissão para a Igualdade de Género, o Instituto Português do Desporto e Juventude e a Fundação Europeia da Juventude do Conselho da Europa.

Deixa uma resposta Cancel reply

Exit mobile version
%%footer%%