Saltar para o conteúdo
Anúncios

Etiqueta: Prosa

Presunção De Inocência

A presunção da heterossexualidade de um desconhecido ou de alguém que, na realidade, não somos próximos é algo que nos obriga a silêncios e respostas vagas. São aqueles instantes em […]

Quem tem medo do Dia do Pai?

Quando era miúdo perguntava-me porque é que havia Dia do Pai e Dia da Mãe, mas não havia dia do Homem. Coisas de criança… Vida de pai não é fácil: […]

O dia e a noite…

Era dia, mas eu queria ser como a noite. Era noite, mas eu queria ser como o dia. Existiam dias tais que queria ser como o pôr do sol ou, […]

Texto: Existi Em Ti

Tenho saudades de ser jovem. De viver sem o teu peso amarrado, criado de memórias que se prendem nesta terra me abrandam o passo e me impedem de ser. Para […]

Conto: A Lição Dos Patos

No jardim, onde passo todos os dias, está um grande lago que costumava estar desabitado. É uma zona muito aprazível, cheia de flores, árvores, sombras, crianças e água. O local […]

As Duas Escritas

Haverá uma escrita masculina e outra feminina? Será a escrita masculina ponteaguda e a escrita feminina redonda? Ponteaguda porque lhe falta subtileza, delicadeza e sensibilidade? Redonda porque é bela, sexy […]

O Encontro

As pernas tremem. Aquela premunição dir-te-á, afincadamente e até ao fim, que aquele é o dia. Corres o risco. E vais. Soltas entre os dedos aquele resquício de cigarro na […]

“Aqui Não Há Panilas!” (pensamento)

“Aqui não há panilas!”, ouvi eu ontem da boca daquela rapariga. Num grupo de pessoas que, embora façam parte do dia-a-dia, não me são propriamente próximas, nada disse. Não será […]

Hiroshima, Meu Amor

São duas e trinta sete da manhã, encontro-me no sexto andar de um prédio de council em East Finchley, no norte de Londres. À minha esquerda, o meu namorado dorme um […]

Texto: De Profundis.

O coração palpita a galope, a minha boca seca, a garganta aperta. “Responde-me! És ou não és?” Gritou a minha mãe pelo Skype. “Sou…“ O tempo parou, ela parou, eu […]

Texto: Desculpa

Desculpa. Perdoa-me por não ser forte. Perdoa-me por não ser capaz. Gostava de acordar e ver o sol, dia após dia, Contigo, naquela cama que todas as noites nos unia. […]

Texto: O dia em que por amor não O fiz

Uma mesa. Três pessoas. Um silêncio. Um amor. Três paixões. Rodeado por esse bafo quente de uma cozinha frenética quero gritar ali que sou feliz. Deixar asas, ventos e céus […]