Tchetchénia: Dois homens gay fugitivos enviados de volta pela polícia russa

Dois homens gay tchetchenos que fugiram para a Rússia depois de alegarem ter sido torturados foram devolvidos à Tchetchénia e estão em “perigo de vida”, segundo grupo de defesa dos direitos humanos. As primeiras denúncias sobre a perseguição, encarceramento e morte de homens gay na Tchetchénia remontam a 2017 aquando do desaparecimento de dois jornalistas… Continue a ler Tchetchénia: Dois homens gay fugitivos enviados de volta pela polícia russa

‘Welcome to Chechnya’ é o novo documentário que conta a perseguição e o desespero das pessoas LGBTI

Foi em 2017 noticiado o sequestro de largas dezenas de pessoas na Tchetchénia, alegadamente por serem ou suspeitar-se serem homens gays. Ficámos a saber então que as autoridades daquela república negaram as acusações afirmando que não havia homens gays na região e, pior ainda, que se os houvesse a própria família trataria de os fazer desaparecer. Mais… Continue a ler ‘Welcome to Chechnya’ é o novo documentário que conta a perseguição e o desespero das pessoas LGBTI

Tchetchénia: Nada Mudou Passado Um Ano

Faz agora um ano desde que o jornal russo Novaya Gazeta começou a noticiar o desaparecimento de homens gay na Tchetchénia, república federal Russa. Relatos através da Russian LGBT Network emergiram de prisões e campos de concentrações em que homossexuais, principalmente homens, eram torturados durante semanas a fio por autoridades tchetchenas, a mando do representante… Continue a ler Tchetchénia: Nada Mudou Passado Um Ano

Cantor gay desaparecido na Tchetchénia terá sido assassinado pelas autoridades locais

Mais uma vítima da purga homossexual na Tchetchénia, desta vez com contornos ainda mais perturbadores.  Zelim Bakaev, popular cantor pop tchetcheno de 26 anos, foi dado como desaparecido pela família e amigos já em Agosto passado aquando de uma visita a Grozny na Tchetchénia, onde já não residia. Em Setembro,  um video surgiu com o… Continue a ler Cantor gay desaparecido na Tchetchénia terá sido assassinado pelas autoridades locais

​Canadá Deu Asilo A 31 Homossexuais Tchechenos

O Canadá deu asilo a 31 homossexuais tchechenos vítimas de perseguição. Kimahli Powell, diretor executivo da ONG Rainbow Railroad, sediada em Toronto, anunciou que a sua organização ajudou 31 pessoas LGBT a abandonar a Rússia e a beneficiar de asilo no Canadá. “Nós trabalhámos com o Governo canadiano num programa que permitiu a entrada de… Continue a ler ​Canadá Deu Asilo A 31 Homossexuais Tchechenos

Revelada lista de homens executados na Tchetchénia enquanto purga homossexual continua

A Novaya Gazeta divulgou a lista de 27 nomes de homens executados em Grozny, capital da Tchetchénia, em Janeiro deste ano. O jornal foi quem noticiou pela primeira vez a sórdida violação dos direitos humanos a acontecer na região que tem como alvos homens homossexuais, perseguidos e presos em campos de concentração. A mesma fonte… Continue a ler Revelada lista de homens executados na Tchetchénia enquanto purga homossexual continua

Ativistas pela Libertação dos Gays Tchétchenos Detidos em Moscovo

Mais um episódio deplorável na manifestação dos direitos dos homossexuais detidos em campos de concentração barbáricos na Tchetchénia. Ontem, enquanto tentavam entregar uma petição pela investigação oficial desses mesmos campos de concentração, cinco ativistas – russos e europeus – foram detidos pela polícia russa em Moscovo. A petição, encabeçada por uma série de grupos ativistas… Continue a ler Ativistas pela Libertação dos Gays Tchétchenos Detidos em Moscovo

PCP abstém-se (vergonhosamente) no voto de condenação à Tchetchénia

Foi hoje levado à Assembleia da República o voto de condenação (em baixo)  ao governo da República da Tchetchénia pelos atos de violência sob pessoas LGBT e a reivindicar a libertação de todos os que se encontram presos e torturados. Toda a Assembleia da República votou a favor desse voto de condenação. Exceptuando a bancada… Continue a ler PCP abstém-se (vergonhosamente) no voto de condenação à Tchetchénia

Porque temos de estar TODOS e TODAS hoje em frente à Embaixada da Rússia.

Desde a semana passada que me sinto ausente. Deprimido. Apático. O revelar da existência de campos de concentração para homens gay na Tchetchénia com o intuito de  limpeza moral é algo demasiado hediondo para conseguir compreender na totalidade das suas intenções. E na sua (ir)realidade. Os horrores já foram entretanto relatados com pormenores absolutamente aterradores, mas… Continue a ler Porque temos de estar TODOS e TODAS hoje em frente à Embaixada da Rússia.

Exit mobile version
%%footer%%