Queer Lisboa 18: Vencedores Do Júri E Do Público

Terminou no passado Sábado a décima oitava edição do Queer Lisboa e foram anunciados os vencedores do festival de cinema: Something Must Break, do sueco Ester Martin Bergsmark, venceu na categoria de longa-metragem e Saga Berker o prémio de melhor interpretação no mesmo filme (vejam o trailer aqui), sendo este prémio igualmente partilhado com Kostas Nikouli, em Xenia e Angelique Litzenburger em Party Girl.

Já o Prémio do Público para longa-metragem de ficção foi atribuído a Rosie de Marcel Gisler. Na secção de documentários Julia ganhou o voto do júri enquanto São Paulo Em Hi-Fi convenceu o público. Em relação às curtas-metragens, o votos voltaram a dividir-se, tendo o júri seleccionado Mondial 2010 e o público “Cihano”.

Que venha mais e bom cinema queer, inclusivo como se quer e deseja!

Fonte.

Anúncios