set de 7 #4

A playlist desta semana começa com um nome que dispensa apresentações. Lana del Rey regressa com “Love”, a primeira amostra daquele que será o seu quarto álbum e que, a julgar pelo que aqui ouvimos, seguirá a linha dos anteriores, sem sobressaltos e sem tomar riscos adicionais, mas que traz à mente a velha máxima de “se resulta, porquê mudar?”. Ainda assim, e apesar desta ser mais uma belíssima canção a juntar ao seu reportório crescente, não posso deixar de sentir alguma curiosidade em relação ao que resultaria de uma viagem por um estilo que se desviasse um pouco do seu padrão habitual. Fica a sugestão para o seu quinto álbum – “Lana goes Reggae”, talvez? Não, talvez seja melhor não.

De resto, a playlist desta semana procura levantar um pouco os ânimos, com alguma energia e batidas adicionais para relembrar que a Primavera se aproxima a passos largos. Dela fazem parte RAYE, nome artístico de Rachel Keen, uma inglesa que tem vindo a destacar-se aos poucos no panorama musical, tendo lançado o seu primeiro EP em 2014, “Welcome to the winter”, e o segundo mais recentemente, no verão de 2016, originalmente intitulado de “Second”, do qual foi extraído o single que trago hoje.

Outra das vozes da playlist desta semana é Susanne Sundfør, uma norueguesa já com uma história musical significativa, com seis álbuns em nome próprio (tendo o mais recente, “Ten love songs”, sido lançado em 2015 e do qual faz parte o ótimo single – e vídeo – que vos trago hoje), mas que alcançou grande parte da sua relativa notoriedade devido às colaborações com outros artistas um pouco mais mainstream, em particular M83 e Röyksopp.

Outro destaque desta semana vai para Billie Eilish, uma americana de apenas 15 anos que encontrou a fama por acaso, quando o seu primeiro single “Ocean eyes”, lançado em 2015, teve uma disseminação semi-viral que acabou por lhe trazer um acordo com uma empresa discográfica. Ainda sem nenhum álbum lançado, esta jovem parece estar a trabalhar no sentido de garantir que o seu álbum de estreia reflita exatamente a sua personalidade. Aguardemos, e entretanto podemos também apreciar os seus dotes para a dança, no vídeo alternativo (face ao vídeo oficial) que vos trago hoje.

Finalmente, de destacar Neon Hitch, uma inglesa que, quando era pequena, sentia ressentimentos em relação aos pais por não lhe terem dado um nome mais convencional (o seu nome, Neon, decorreu da inspiração do pai, um técnico de iluminação). O interesse de Neon não vem só do seu nome mas também da sua biografia: a sua casa de família foi destruída num incêndio durante a sua infância, o que levou a família a viver numa caravana e, consequentemente, a percorrer a Europa vivendo como artistas de rua e venda de artigos de roupa e joalharia. Neon Hitch acabou por trabalhar e atuar num circo durante grande parte da sua infância, tendo treinado como artista de trapézio (entre outras atividades circenses), sendo que a sua maior dedicação à música surgiu por encorajamento do namorado durante a adolescência. Uma dedicação que ganhou forma no seu primeiro álbum, “Anarchy”, lançado em julho de 2016, do qual extraí o single que vos trago hoje.

Fiquem então com um set de 7 #4 que inclui ainda músicas de K.Flay (uma americana que se inspira em M.I.A. e Missy Elliot) e PANTEROS666, acompanhado da inimitável voz de Woodkid.

Os destaques visuais desta semana vão para Susanne Sundfør, naquilo que poderia ser interpretado como uma dança subaquática interpolada com imagens que remetem para uma atuação ao vivo repleta de energia, Billie Eilish, num vídeo que procura retratar o objetivo original da música – ser utilizada num espetáculo de dança na escola que a própria Billie frequentava, e RAYE, num vídeo dirigido por Charli XCX, cujas influências parecem ter encontrado também um caminho para a própria música de RAYE.

Enjoy!

[Susanne Sundfør – Accelerate]
It’s out of our hands, so baby let go
Let go.

 

[Billie Eilish – Ocean Eyes]
I’ve been watching you
For some time.

 

[RAYE – I, U, Us]
Pack your bag, it’s time to go
You know, you know
You are not the one I want.

Advertisements