Foi assim que Jane Fonda se afirmou aliada LGBTI… nos anos 1970!

Um vídeo recentemente ressurgido de 1979 mostra a atriz e ativista Jane Fonda como uma das primeiras grandes aliadas LGBTI. No vídeo, Fonda elogiou e apoiou a comunidade LGBTI de São Francisco.

Cultural, psicologica, economica e politicamente: gays e lésbicas são discriminados e discriminadas”, disse Fonda na altura. “São um movimento muito poderoso, especialmente em São Francisco, não precisam de mim, mas gostam de mim, gostam da nossa organização, a Campanha pela Democracia Económica, porque sabem que ao trabalharmos em união podemos ser mais fortes do que qualquer outra entidade por si própria.

Quando questionada se estava a ser usada pela comunidade local, ela enfaticamente disse que esperava que estivesse a sê-lo:

Estou aqui precisamente para ser usada por pessoas boas para fazermos coisas boas” explicou a dupla vencedora de Óscares. “Faço parte de uma organização e você também poderia ser cínico como você é e perguntar-me se a organização não me está a usar…?

Fonda foi recentemente notícia pelo seu apoio vocal ao uso de pronomes pessoais preferidos e pela importância de se aliar à comunidade LGBTI.

Tenho trabalhado com pessoas realmente jovens”, revelou Fonda. “Quando os encontramos, elas dão os pronomes com os quais se identificam. Estou quase nos 83 anos, tenho que dizer quais pronomes utilizamos? A resposta é sim e há uma curva de aprendizagem.

A entrevista que voltou a ressurgir no Twitter ocorreu em 1979, um período particularmente tumultuado e histórico para São Francisco e o florescente movimento LGBTI. O supervisor Harvey Milk e o prefeito George Moscone foram baleados e mortos pelo descontente ex-supervisor George White. O antigo polícia, White, foi absolvido das graves acusações de assassinato devido a uma famosa “defesa Twinkie”, alegando que o seu estado de espírito foi indevidamente afetado pelo consumo de junk food. A cidade saiu à rua naquela noite com a maior perturbação civil em anos conhecida como Motins Brancos.

Jane Fonda pode atualmente ser vista na série de comédia Grace & Frankie na Netflix, onde partilha o ecrã com Lily Tomlin, Sam Waterston e Martin Sheen.

Fonte: Out.


T5 | Ep.4 – Fancy: TERFismo, Cláudio França na TV, Netflix contra Hasan… E Orville Peck! Dar Voz a esQrever: Pluralidade, Diversidade e Inclusão LGBTI 🎙🏳️‍🌈

  1. T5 | Ep.4 – Fancy: TERFismo, Cláudio França na TV, Netflix contra Hasan… E Orville Peck!
  2. T5 | Ep.3 – Te Amo: Dia da Visibilidade Bissexual, RBG, JK e UvdL
  3. T5 | Ep.2 – This is America? Queer Lisboa, #OscarsNotSoWhite, Fã de Fonda e Pryde de Kitty

O Podcast Dar Voz A esQrever 🎙🏳️‍🌈 está disponível nas seguintes plataformas:

👉 Spotify 👉 Apple Podcasts 👉 Google Podcasts 👉 Pocket Casts 👉 Anchor 👉 SoundCloud 👉 RadioPublic 👉 Overcast 👉 Breaker 👉 Podcast Addict 👉 PodBean 👉 Castbox 👉 Deezer

Se não estivermos ainda disponíveis na vossa app favorita, podem subscrever via 👉 RSS.

A processar… ⏱
Sucesso! 🌈

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s