Obama E A Importância De Saber Ouvir (as filhas)

Na sua recente visita a Londres, o Presidente Obama confessou que as suas filhas têm um “enorme impacto” em si. Perante uma plateia de 500 jovens líderes, Obama revelou que foram as filhas que o fizeram entender a importância do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Inicialmente o actual Presidente norte-americano apoiava as uniões civis e achava desnecessário o termo “casamento”, dado que os mesmos direitos seriam respeitados. Contudo, foi através das filhas, Malaia e Sasha – tal como activistas – que entendeu a decisiva importância da igualdade no casamento nos Estados Unidos.

Pessoas que eu amava e que estavam em relações do mesmo sexo explicaram-me o que eu deveria ter entendido antes: que a questão não era apenas sobre direitos, mas sobre um sentimento de estigma. Se lhe chamarmos de algo diferente,  o casamento significa menos aos olhos da sociedade.

O líder cessante também elogiou a comunidade LGBT por confrontar os seus adversários conservadores e permitir assim “o conjunto mais rápido de mudanças no movimento social” da história dos EUA.

São líderes e pessoas como estas que o mundo precisa, pois sabem ouvir, sabem discutir abertamente sobre um tema e colocar-se na pele de outra pessoa, sem preconceitos. A discussão é decisiva para que mais exemplos destes surjam e – em vez de barreiras impostas por ignorância e egos – aprendamos, por fim, a importância de saber ouvir.

Fontes: Pink News e White House Photo Office (fotografia).

Anúncios