Google associa-se aos 50 anos de Orgulho e lança monumento vivo

Um monumento vivo a 50 anos de orgulho

O Centro Comunitário LGBT da cidade de Nova Iorque, com o apoio da Google.org, trabalhou para preservar a história LGBTQ para as gerações futuras, ampliando o Monumento Nacional Stonewall da sua localização física na cidade de Nova York para uma experiência digital que pode ser visitada por todas as pessoas e em toda parte.

O Stonewall Forever é o resultado dos esforços do Centro Comunitário LGBT. É um monumento vivo ao Pride que liga diversas vozes da era de Stonewall às milhões de vozes das comunidades LGBTQ de hoje. O monumento apresenta artefatos históricos digitalizados, histórias orais que capturam os primeiros dias do movimento, um pequeno documentário de Ro Haber que destaca histórias inéditas da comunidade LGBTQ, fotografias e mensagens de pessoas de todo o mundo.

Poderão experimentar o Stonewall Forever online e tornarem-se parte da história viva da comunidade LGBTQ adicionando a vossa própria história ao monumento digital. Para quem visitar Christopher Park, em Nova Iorque, também poderão experienciá-lo ao vivo por meio de um aplicativo de realidade aumentada (AR).

Quando o orgulho começou

Em 28 de junho de 1969, o bar gay Stonewall Inn foi invadido pela polícia de Nova Iorque – uma prática policial comum na época para bares frequentados pela comunidade LGBTQ. Mas naquela noite, em vez de ceder, um grupo de bravos indivíduos ergueu-se contra o avanço da polícia. O que se seguiu foram cinco noites de protestos pelos direitos LGBTQ, colocando em movimento os próximos 50 anos do Pride.

Depois disso, as organizações de direitos LGBTQ começaram a surgir nos EUA e em todo o mundo. Nos dias 27 e 28 de junho de 1970, as primeiras paradas do Orgulho em homenagem a Stonewall aconteceram em Nova Iorque, Los Angeles, São Francisco e Chicago.

Para comemorar o histórico Pride deste ano, a Google lançou o Pride Forever, uma campanha que tem como base na partilha do histórico LGBTQ. Nos últimos 50 anos do movimento pelos direitos LGBTQ, houve muitos sucessos, mas também alguns tropeços – e ainda há um longo caminho pela frente. Mas o legado de Stonewall sobrevive em todas as saídas, todas as lutas, todas as vitórias e todas as marchas do Orgulho.

Hoje, as paradas da Pride abrangem 174 cidades em 46 países em todo o mundo, 3 mantendo vivo o legado daqueles e daquelas que se levantaram há 50 anos. Este ano, Googlers em 51 locais de todo o mundo participarão nas marchas do Pride para celebrar o passado, o presente e o futuro da comunidade LGBTQ.

Alguns marcos destacados da História LGBTQ

Fonte: Google.


A processar… ⏱
Sucesso! 🌈
Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s