Desporto: Dutee Chand considerada desportista do ano pela Vogue Índia

Dutee Chand, a campeã asiática da velocidade, que assumiu estar numa relação com outra mulher este ano, tornando-se assim na primeira atleta indiana a fazê-lo, foi considerada a ‘desportista do ano’ pela Vogue Índia.

O ano de 2019 foi marcante para a velocista Dutee Chand, ao tornar-se este ano na primeira indiana a ganhar uma medalha de ouro no sprint feminino de 100 metros nos 30º Jogos da Universidade de Verão em Nápoles, Itália e ao ter saído orgulhosamente do armário.

A atleta tem encontrado obstáculos à sua participação nas competições internacionais devido aos seus níveis naturais mas invulgares de testosterona chegando inclusive banida de participar nas provas de atletismo. Mas a campeã asiática lutou pelo seu direito em competir e, através do Tribunal Arbitral do Desporto, conseguiu reverter a decisão, alegando a falta de provas que níveis altos de testosterona são um claro benefício para a performance desportiva.

O meu próximo objetivo é trazer a medalha de ouro para a Índia nas Olimpíadas de Tóquio de 2020”, revela.


Deixa uma resposta