No Dia Nacional Contra A Homofobia, Bifobia e Transfobia Lisboa Hasteou Bandeira Arco-Íris

Celebra-se hoje o Dia Internacional e Nacional Contra a Homofobia, Bifobia e Transfobia (IDAHOT), aniversário da retirada da homossexualidade da lista de doenças mentais da Organização Mundial de Saúde em 1992, facto esse que algumas pessoas, vinte e seis anos passados, teimam em esquecer. É comemorado desde 2015 em Portugal, numa ação aprovada em Parlamento.

No diploma, o PS lembrou que “a homofobia e a transfobia representam uma real ameaça à realização da dignidade e liberdade individual das pessoas lésbicas, gays, bissexuais e transexuais, frequentemente alvo de tratamento discriminatório e mesmo de atos de violência motivados pela sua orientação sexual ou identidade de género”.

A instituição deste dia tem um peso simbólico. O Estado português, através do Parlamento, reconhece a luta contra a homofobia e transfobia”, afirmou na altura o deputado socialista Pedro Delgado Alves, um dos deputados signatários da iniciativa.

Tal como em anos anteriores, várias instituições públicas – e nomeadamente a Câmara Municipal de Lisboa – hastearam a bandeira do orgulho LGBTI.

Anúncios