Podcasts LGBT: Os Nossos Favoritos

Design sem nome

Nos últimos anos, os podcasts têm vindo a tornar-se cada vez mais proeminentes enquanto se tornam na nova vaga de uma rádio direccionada a assuntos específicos e abrangentes. No caso da temática LGBT eles têm ganho cada vez mais destaque e existem uma série deles extremamente bem produzidos e pertinentes. Por isso decidimos partilhar os nossos favoritos: para ouvir numa viagem de carro, comboio, na praia, na piscina e perceber melhor onde estamos e para onde vamos.

Vamos dar voz a notícias LGBTI todas as semanas? Vamos dar voz ao comentário político nacional? Vamos dar voz à divulgação cultural? Queer? Feminista? Drag? Kings and Queens? Vamos dar voz a esqrever, o novo podcast LGBTI português que em breve estreará e trará Pluralidade, Diversidade e Inclusão LGBTI! Subscrevam para não perderem os episódios, com muito Orgulho!” É esta a introdução ao nosso Podcast agora apresentado, não percam!

T3 | Ep.10 – Menstruações, Facebook Pró-LGBTIfobia, Crimes de Ódio em Portugal, Disclosure e Ídolos Trans Dar Voz a esQrever: Pluralidade, Diversidade e Inclusão LGBTI 🎙🏳️‍🌈

  1. T3 | Ep.10 – Menstruações, Facebook Pró-LGBTIfobia, Crimes de Ódio em Portugal, Disclosure e Ídolos Trans
  2. T3 | Ep.9 – #Parrachega, Orgulho e Visibilidade no 2020 Pandémico e Misoginia na Televisão e Futebol
  3. T3 | Ep.8 – Ainda com #VidasNegrasImportam, Políticas anti-LGBTI na Europa, Cultura queer e memórias do Pride

Um podcast importantíssimo que dá aos pioneiros da luta LGBT voz em histórias na primeira pessoa, tudo através de entrevistas de arquivo do jornalista e autor Eric Marcus. Retratos das pessoas que fizeram a nossa História.

Um podcast viciante de Mike Johnson e Kyle Getz, um late bloomer e um millenial, que descontroem temas complexos e muitas vezes tabu da sexualidade dos homens gay de forma hilariante mas muito esclarecida.

Dois britânicos e personalidades de rádio, James Barr e Dan Hudson, relatam na primeira pessoa episódios que ressalvam as diferenças, muitas vezes artificiais, entre uma pessoa homossexual e uma pessoa não homossexual (como escolhem chamar os heterossexuais para contrapor de forma jocosa o preconceito).

O nosso rapaz favorito da nova série de Queer Eye, Jonathan Van Ness, é o anfitrião de um dos podcasts mais fascinantes da actualidade. Em todos os episódios debruça-se num assunto totalmente diferente, que pode de ir de questões de género a biologia das abelhas, passando por política internacional e saúde mental de forma regular.

Byran Safi e Erin Gibson falam de direitos LGBT e das mulheres, percebendo que as lutas têm de andar de mão dada para serem eficazes, enquanto se debruçam em comentários de notícias da atualidade de forma também divertida e informativa.

Dois descendentes de famílias asiáticas, Tobin Low e Kathy Lu, relatam as dificuldades de ser queer numa sociedade mais conservadora e também sobre a cultura LGBT com convidados que vão de Alan Cumming a Lena Waithe.

Quatro homens gay autralianos comentam as mais recentes notícias da atualidade com doses iguais de bitchiness e sisterhood. Sim, é MAIS um podcast que incide nas vivências de homens gay mas o sentido de humor australiano faz com que valha a pena.

O anfitrião é Craig MacNeil mas a estrela é Katya Zamolodchikova, a estrela de RuPaul’s Drag Race com o humor mais corrosivo e lunático de toda a série, que aqui fala de forma cândida da sua luta com a dependência de drogas. Com convidados regulares, muitas vezes drag queens, mas também outros completamente fora-do-baralho. Hilariante.

How to Be a Girl é um podcast sobre a vida de uma mãe com a jovem filha trans e como ambas tentam descobrir juntas o que significa ser rapariga.

Este é o podcast de entrevistas da Antena1 de Paulo Côrte-Real. Uma série de entrevistas a várias personalidades nacionais sobre o processo de coming out e como isso se reflete na nossa cultura ainda bastante conservadora nos costumes. A primeira temporada teve convidados variados como Célio Dias, Adolfo Mesquita Nunes, Graça Fonseca, entre muitos outros e outras.

Este podcast é encabeçado pelo QueerIST, núcleo LGBTI+ do Instituto Superior Técnico em Lisboa e é definitivamente uma nova iniciativa de louvar e apoiar. É interessante ver onde estão as gerações mais jovens nas questões LGBT, muito politizadas e com vontade de querer promover mudança de todas as formas possíveis e aproveitar as redes e tecnologias disponíveis para isso mesmo.

A realidade a partir de um triângulo que foi Vergonha e hoje é Orgulho. Político, sempre. Cultural e Social, quando lhes apetecer. Comunitário e atrevido, se estiverem para isso. Um podcast sem linhas de formatação, mas com todas as formas da diversidade. Apresentado pelo Miguel Agramonte, Max Spencer-Dohner e Daniel Rocha.

Um Podcast da Joana Martins, da websérie #SÓQNÃO da RTP: “Sou racional, mas este é um espaço emocional. O #SÓQNÃO nasceu desse antagonismo e de uma necessidade crescente de saber mais, conversar mais, participar e partilhar mais. Aqui falo do que sei e do que não sei, mas que me ocupa tanto tempo. Contra o preconceito, mas sobretudo a favor da informação e do debate.”

Podem procurar qualquer um destes podcasts nas vossas apps favoritas. Desfrutem!


O Podcast Dar Voz A esQrever 🎙🏳️‍🌈 está disponível nas seguintes plataformas:

👉 Spotify 👉 Apple Podcasts 👉 Google Podcasts 👉 Pocket Casts 👉 Anchor 👉 SoundCloud 👉 RadioPublic 👉 Overcast 👉 Breaker 👉 Podcast Addict 👉 PodBean 👉 Castbox 👉 Deezer

Se não estivermos ainda disponíveis na vossa app favorita, podem subscrever via 👉 RSS.

A processar… ⏱
Sucesso! 🌈

5 comments

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s