A importância de ter Lil Nas X a canção #1 durante todo o mês do Orgulho LGBTI

Old Town Road está há 14 semanas em #1 nos Estados Unidos, foi certificada Diamante e Lil Nas X, no último dia do Mês do Orgulho, assumiu-se parte da comunidade LGBTI: “pensei que fosse óbvio!

Lil partilhou o vídeo da sua canção “C7osure” e pediu que fãs a ouvissem com atenção: “Algumas pessoas já o sabem, algumas não se importam, algumas não me abandonaram, mas antes que este mês termine, quero que toda a gente oiça atentamente C7osure 🌈

“C7osure” inclui letras como “Vou parar de fingir, deixar o meu passado nas costas e permitir-me viver o futuro. É o que eu tenho que fazer para não me arrepender quando estiver velho.”

É difícil transmitir a importância de uma figura como Lil Nas X, alguém no topo do seu percurso artístico, um artista, adolescente, assumido, negro e muito orgulhoso. Lil Nas X junta-se – ou lidera – esta nova legião de artistas queer e assumid@s, cujas carreiras são sustentadas no YouTube, TikTok, Instagram, Twitter e Spotify, permitindo-lhes abordar diretamente jovens fãs.

Num momento em que algumas pessoas se preocupam com o contacto de crianças e jovens a pessoas LGBTI – sejam também elas jovens ou artistas ou simplesmente amigas – esta é uma canção que se infiltrou no DNA de toda uma geração. A visibilidade passa também por aqui. Este pode ser inclusive um marco numa mudança radical para a representação e a igualdade Queer, assumida e orgulhosamente Queer.

A verdade é que crianças mal nascem têm idade suficiente para descobrir que pessoas queer existem e podem sabê-lo da forma mais simples possível, tal como as restantes pessoas, estando perto delas. Até porque as próprias crianças podem ser elas mesmas LGBTI. Para uma criança ser gay, lésbica ou bissexual não significa que ela esteja interessada no acto sexual: significa apenas que ela é diferente da restante população de alguma forma e, mais importante ainda, reconheceu essa sua diferença. Basta recordar como no ano passado, Jamel Myles suicidou-se com apenas nove anos de idade depois de ter sido intimidado e sofrido bullying quando se assumiu gay a colegas da escola. A nossa identidade é construída muito mais cedo do que algumas pessoas querem fazer crer. Sabemos quem somos desde muito jovens e ter alguém, como o Lil Nas X, com quem nos possamos identificar é meio caminho andado para nos aceitarmos e valorizarmos, com Orgulho.

É por isso que Lil Nas X – ele próprio uma pessoa muito jovem e queer aos 20 anos – é tão crucial, não apenas pela sua visibilidade, mas também porque ele mostra que não há mal quando crianças se familiarizam com a cultura queer.

Lil Nas X reinou assim durante todo o mês do Orgulho e continua a reinar pela 14ª semana consecutiva (ao lado de clássicos como I Will Always Love You, We Belong Together ou, sim, Macarena). Celebremos!

Atualização 30 julho:

Old Town Road bateu o record de número de semanas em #1 nos EUA, Lil Nas X – orgulhoso jovem queer – ultrapassou Despacito e One Sweet Day com a sua 17ª semana no topo.

Atualização 22 novembro:

O rapper country Lil Nas X tornou-se esta semana no primeiro artista de rap assumidamente gay a ser indicado nas principais categorias dos Grammy, o maior prémio da indústria discográfica.

O rapper de 20 anos de idade, que se assumiu gay em junho, obteve nomeações nas maiores categorias dos prémios: álbum e canção do ano, além de melhor novo artista.

Lil Nas X já tinha feito história este ano também no mundo dos galardões, tornando-se no primeiro homem assumidamente gay a receber um prémio da Country Music Association, um género conhecido por seu conservadorismo.

Fontes: Billboard e The Guardian.


A processar… ⏱
Sucesso! 🌈

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s